Os 10 maiores laterais-direitos do Brasil

O Brasil já conquistou cinco Copas do Mundo, em duas delas, quem ergueu a taça foi um lateral-direito. De fato, nós sempre tivemos grandes jogadores na posição, desde os tempos em que ela era exclusivamente defensiva, até os dias de hoje,  aonde os alas são peças fundamentais do ataque. Confira a lista dos 10 maiores laterais-direitos da história do nosso futebol.

futebol


10 – Eurico


Eurico Pedro de Faria  jogou no Palmeiras, Grêmio e Botafogo de Ribeirão Preto. No Parque Antártica, formou com Leão, Luís Pereira , Alfredo e Zeca, uma linha defensiva que marcou época. No Grêmio, aonde chegou com fama apenas de bom marcador, sob o comando de Telê Santana, se tornou também um grande apoiador. Eurico vive atualmente em Ribeirão Preto.

eurico




9 – Zé Maria


Zé Maria, o Super Zé, começou a carreira profissional na Portuguesa. Em 1970 chegou ao Corinthians, onde ficou até 1983. Ídolo da fiel, Zé Maria foi um marcador implacável, conhecido pela raça e força física. Reserva de Carlos Alberto Torres em 1970, disputou como titular a Copa de 1974.


Ze_Maria

Zé Maria com o irmão Tuta

 

8 – Daniel Alves


Lateral-direito do poderoso Barcelona, Daniel Alves alia técnica, preparo físico excelente e disciplina tática, sendo fundamental no esquema tático do time catalão.
Na seleção brasileira, disputa a posição com Maicon, da Inter de Milão.


daniel_alves
Veja também: Gols de falta da seleção brasileira



7 – Maicon

Maicon é outro lateral-direito brasileiro que brilha nos gramados europeus. O ala da Inter de Milão tem na velocidade e no preparo físico exuberante, as suas principais qualidades. Titular da Copa de 2010, tem sido convocado por Mano, mas como reserva de Daniel Alves.


maicon-copadomundo

6 – Cafu


Capitão do Brasil em 2002, Cafu teve o privilégio de levantar a taça. Recordista em número de jogos pela seleção com 148 partidas, nunca foi totalmente reconhecido pelos críticos, mas as conquistas do lateral não deixam dúvidas: Cafu é um dos grandes laterais-direitos do nosso futebol.


cafu



5 – Jorginho


Os cruzamentos perfeitos de Jorginho consagram muitos atacantes do futebol brasileiro. O lateral-direito foi decisivo na conquista do Mundial de 1994. Jorginho, depois de ser auxiliar de Dunga, agora segue a carreira de técnico. Tudo indica que será tão bem sucedido quanto foi como jogador.

Jorginho



4 – Leandro


Inteligente, técnico e habilidoso, Leandro atacava e defendia com a mesma competência. Seu único clube foi o Flamengo. Titular da mitológica seleção de 1982, também foi convocado para a Copa de 1986, mas se negou a ir para o México em solidariedade a Renato Gaúcho.
Leandro, devido às constantes lesões no joelho, encerrou a carreira prematuramente em 1990.

brasil-de-82

Leandro em 1982, na Espanha ( 2° em pé, da esquerda para a direita).


Veja também: A genial geração que não ganhou uma Copa



3 – Nelinho


Nelinho era um atacante que jogava na defesa. Dono de um chute potente e com efeito, também batia faltas com maestria. Ídolo do Cruzeiro, Nelinho disputou a Copa de 1978, na Argentina. Naquele Mundial, marcou um dos gols mais bonitos da história do torneio.



Veja também: Os 10 maiores cobradores de falta do Brasil.



2 – Carlos Alberto Torres


Capitão da seleção em 1970, Carlos Alberto Torres levantou a taça no México. Na final, marcou um dos gols mais belos da nossa seleção. Técnico e habilidoso, o lateral-direito também se destacava pela sua personalidade forte e pelo espírito de liderança.




1 – Djalma Santos


Djalma Santos disputou quatro Copas do Mundo, sagrando-se bicampeão em 1958 e 1962.
Numa época em que os laterais raramente ultrapassavam a linha do meio-campo, Djalma Santos já apoiava o ataque, tendo folego para voltar e recompor a defesa. Outra característica dele, eram as cobranças de lateral para dentro da área adversária, verdadeiros cruzamentos com as mãos.
Ídolo do Palmeiras, Djalma Santos encerrou a carreira no Atlético Paranaense aos 42 anos.

djalma

Os 10 maiores laterais-direitos do Brasil Os 10 maiores laterais-direitos do Brasil Reviewed by Bento Santiago on janeiro 28, 2012 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.