A Segunda Guerra Mundial em fotos: A Batalha da Grã-Bretanha

No verão e no outono de 1940, a Luftwaffe realizou milhares de bombardeios sobre o Reino Unido, atacando alvos civis e militares. Hitler tinha como objetivo a destruição da RAF, o que abriria caminho para a Operação Leão Marinho: a invasão da Inglaterra. No primeiro momento da batalha, os nazistas bombardearam apenas alvos militares e industriais, mas quando os ingleses atingiram Berlim, em um ataque de retaliação, os alemães passaram a bombardear também centros civis britânicos. Cerca de 23 mil civis foram mortos entre julho e dezembro de 1940.

A férrea resistência dos ingleses obrigou Hitler a abandonar os planos de invadir a Grã-Bretanha. Churchill, em discurso na Câmara dos Comuns no dia 20 de agosto de 1940, declarou a frase que se tornou célebre: "Nunca, no campo dos conflitos humanos, tantos deveram tanto a tão poucos"

s_w01_01229014

A cúpula da Catedral de São Paulo destaca-se entre as chamas e a fumaça dos prédios vizinhos, durante os ataques  ​​da Luftwaffe, em 29 de dezembro de 1940,  Londres, Inglaterra.



s_w02_141-0678

Uma formação de Heinkel He 111, bombardeiros alemães, voa em baixa altitude sobre as ondas do Canal da Mancha.



s_w03_09201221

Três canhões antiaéreos rompem a escuridão de Londres, em 20 de setembro de 1940.



s_w04_07200118

Alunos londrinos treinam os procedimentos de evacuação para quando os nazistas atacarem.



s_w05_31204831

Um Messerschmitt BF 110, caça bimotor alemão, apelidado de "Fliegender Haifisch", ao longo do Canal da Mancha, em agosto de 1940.



s_w06_00903019

As trilhas de condensação dos aviões alemães e britânicos em batalha ornamentam o céu sobre Kent, ao longo da costa sudeste da Inglaterra, em 3 de setembro de 1940.



s_w07_09070204

Incêndios causados pelas bombas alemãs iluminam as docas ao longo do rio Tâmisa, Londres, em 07 de setembro de 1940.



s_w08_11290147

Uma grande coluna de fumaça sobe de um incêndio em Plymouth, sudoeste da Inglaterra, em novembro de 1940, como resultado de um pesado bombardeio nazista.



s_w09_09210206

A cauda e parte da fuselagem de um  Dornier Do 17 alemão sendo retiradas de um telhado de Londres, em 21 setembro de 1940. Aviões britânicos tinha abatido a aeronave  no dia 15 de setembro. O resto do avião caiu perto da Estação Victoria.



s_w10_00730036

Trabalhadores acoplam um conjunto de paraboloides em um detector de som, usado em conjunto com baterias anti-aéreas, em uma fábrica em algum lugar na Inglaterra, em 30 de julho de 1940.

 
s_w11_10041111

Tilbury, o maior terminal portuário de Londres, foi alvo de numerosos ataques aéreos alemães. Na foto acima, bombas caem no porto de Tilbury, em 4 de Outubro de 1940. O primeiro grupo de bombas cairá sobre os navios que se encontram no Tâmisa, o segundo sobre as docas.



s_w12_00819030

Dois Ju 87 Stuka, bombardeiros de mergulho alemães,  retornam de um ataque contra a costa sul britânica, durante a Batalha da Grã-Bretanha, em 19 de agosto de 1940.



s_w13_10240184

Forças britânicas se preparam para o assalto a Berlim, em 24 de outubro de 1940.


 
s_w14_00902190

Uma exposição de 90 minutos tirada de um telhado em Fleet Street, durante um ataque aéreo em Londres, em 2 de setembro de 1940. Os holofotes à direita iluminavam  um avião inimigo. As marcas horizontais na imagem são de estrelas e as pequenas falhas nelas foram causadas ​​pela pela vibração da câmera, sacudida pelo fogo antiaéreo. O piloto alemão lançou uma bomba, que deixou um rastro na parte superior esquerda, por trás do campanário da igreja de Santa Brígida.



s_w15_01008011

Pessoas se refugiam  na plataforma e nos trilhos da estação de metrô Aldwych, em Londres, depois que as  sirenes soaram para alertar a chegada de bombardeios alemães, em 8 de outubro de 1940.



s_w16_3c06413u

O Palácio de Westminster, em Londres, em silhueta contra a luz dos incêndios causados ​​pelos bombardeios nazistas.



s_w17_01205147

A força da explosão de uma bomba empilhou esses ônibus uns sobre os outros, Londres, em 5 de dezembro de 1940.



s_w18_10230318

Essa menina sorridente, suja, mas aparentemente ilesa, foi socorrida em uma rua de Londres em 23 de outubro de 1940, depois de ser resgatada dos escombros de um edifício atingido por uma bomba, em um ataque diurno dos alemães.



s_w19_00909175

Bombeiros rescaldam um incêndio, perto da ponte de Londres, em 9 de setembro de 1940, depois de vários ataques alemães.



s_w20_12120103

Centenas de pessoas, muitas dos quais perderam suas casas nos bombardeios alemães, agora usam as cavernas em Hastings, uma cidade do sudeste inglês, como seu refúgio noturno. Seções especiais são reservadas para jogos e recreação. Várias pessoas trazem seus próprios móveis e dormem em suas próprias camas a fim de criar uma atmosfera de lar e normalidade. Foto tirada em 12 de dezembro de 1940.



s_w21_00725131

Sem se deixar intimidar por uma noite de ataques aéreos alemães, em que a frente da loja foi destruída, um lojista abre  "como de costume", em Londres.



s_w22_00713064

Tudo o que restou de um bombardeiro alemão derrubado na costa sudeste da Inglaterra, em 13 de julho de 1940. A aeronave está repleta de buracos de bala e os soldados britânicos observam as  metralhadoras do avião abatido.



s_w23_00826086

Trabalhadores britânicos em um mutirão para desmontar os restos de aviões nazistas abatidos na Inglaterra, em 26 de agosto de 1940.



s_w24_00827094

Uma enorme lixeira onde os restos de aviões alemães  foram despejados, fotografada em 27 de agosto de 1940. O grande número de aviões nazistas derrubados durante os ataques na Grã-Bretanha, contribuiu substancialmente para a campanha nacional de reaproveitamento da sucata.



s_w25_10101214

Um Heinkel He 111, bombardeio nazista, sobrevoa Londres no outono de 1940. O rio Tâmisa pode ser visto ao longo da imagem.



s_w26_10180141

Mary Couchman, moradora da pequena aldeia de Kentish, protege três crianças, entre elas, seu filho, durante um ataque aéreo em 18 de outubro de 1940. As três crianças brincavam na rua quando, de repente, a sirene soou e os seguidores de Hitler chegaram. Cumprimentada por sua bravura, ela respondeu: "Oh, não foi nada. Alguém tinha que  cuidar das crianças."



s_w27_00830062

Dois balões de barragem caem em chamas, depois de serem alvejados por aviões de guerra alemães durante um ataque  sobre a costa de Kent, na Inglaterra, em 30 de agosto de 1940.



s_w28_00910172

Danos de ataque aéreo, incluindo os restos retorcidos de um ônibus de dois andares, na cidade de Londres, em 10 de setembro de 1940.



s_w29_00917193

A devastação na área das docas de Londres, atacada por bombardeiros alemães em 17 de setembro de 1940.



s_w30_0019004u

Um menino segura seu bicho de pelúcia em meio a ruínas, após um bombardeio aéreo alemão de Londres, em 1940.



s_w31_00920045

Um avião alemão despeja sua carga de bombas sobre a Inglaterra, durante um ataque em 20 de setembro de 1940.



s_w32_09070139

Um dos muitos incêndios nas  docas comerciais de  Surrey, em Londres, em 7 de setembro de 1940, após um pesado ataque realizado durante a noite por bombardeiros alemães.



s_w33_00901075

Incêndios devastam Londres, depois que uma solitária aeronave nazista lançou bombas incendiárias perto do centro da cidade, em 1º de Setembro de 1940.



s_w34_01225018

Crianças de Londres festejam o Natal, em 25 de dezembro de 1940, em um abrigo subterrâneo.



s_w35_09070154

Os efeitos de um grande ataque concentrado pela Luftwaffe, nas docas e distritos industriais de Londres, em 7 de setembro de 1940. Fábricas e armazéns foram seriamente danificados.



s_w36_3c25907u

Londres iluminada pelas chamas de um ataque aéreo alemão, em 1940.


s_w37_01022040

A princesa Elizabeth da Inglaterra, aos 14 anos de idade, herdeira  do trono britânico, faz sua estreia nas transmissões de rádio: um discurso de três minutos para crianças britânicas levadas para o exterior, em 22 de outubro de 1940, em Londres, Inglaterra. Ao lado da futura rainha da Inglaterra, está a princesa Margaret Rose, irmã de Elizabeth.



s_w38_00903135

Soldados carregam a cauda de um Messerschmitt 110, que foi abatido por caças ingleses em Essex, Inglaterra, em 3 de setembro de 1940.



s_w39_00924167

Em meio a bombas, sirenes e explosões, o Teatro Windmill realizava shows de música, teatro de revista e balé para o povo de Londres. Os artistas dormiam em colchões nos camarins. Aqui, uma cena nos bastidores mostra uma das artistas a se lavar, enquanto outras três dormem profundamente, rodeadas por seus trajes de palco, em 24 de setembro de 1940, em Londres.



s_w40_10161232

Estragos em um local não divulgado de Londres, em 16 de outubro de 1940.



s_w41_09070113

Uma enorme cratera aberta em Londres, em 7 de setembro de 1940, após um ataque noturno das forças nazistas.



s_w42_3c28364u

Duas meninas na costa sul da Inglaterra olham na  direção da praia; a cerca de arame farpado foi construída como parte das defesas costeiras da Grã-Bretanha.



s_w43_01128098

A artista Ethel Gabain, trabalha, entre as ruínas bombardeadas do East End, em Londres, em 28 novembro de 1940. Ela havia sido recém-nomeada pelo Ministério da Informação, para fazer pinturas históricas da guerra.



s_w44_11010149

Um bombardeiro alemão Heinkel He 111, a caminho da Inglaterra, em novembro de 1940.



s_w45_10081158

Um rapaz senta-se entre as ruínas de uma livraria de Londres,  logo após um ataque aéreo em 08 de outubro de 1940, ele lê um um livro intitulado "A History of London".


A História da Segunda Guerra Mundial em Fotos,  será uma série  de 21 postagens com mais de 800 fotografias distribuídas em  temas seguindo a cronologia do conflito. Se você gosta de história, em particular da história da Segunda Guerra Mundial, aconselho  que assine a nossa Newsletter ou curta nossa página no Facebook, para  não perder nenhum episódio. O próximo terá como tema: O conflito se espalha pelo mundo.  Não perca!
A Segunda Guerra Mundial em fotos: A Batalha da Grã-Bretanha A Segunda Guerra Mundial em fotos: A Batalha da Grã-Bretanha Reviewed by Bento Santiago on agosto 11, 2013 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.