A Segunda Guerra Mundial em fotos: o conflito se espalha pelo globo

A partir dos últimos meses de 1940 até o verão de 1941, o conflito entre os Aliados e as potências do Eixo, se transformou na verdadeira Segunda Guerra Mundial. A campanha do Leste Africano e a do Deserto Ocidental, ambas iniciadas nesse período, levaram as forças italianas ( apoiados por tropas alemãs ) e britânicas a confrontar-se nos desertos do Egito e da Líbia, bem como da Etiópia até o Quênia. O Pacto Tripartite - uma declaração de cooperação entre a Alemanha, Itália e Japão - fora assinado em Berlim. As forças japonesas ocuparam o Vietnã, estabelecendo bases na Indochina Francesa, e continuaram atacando a China. Mussolini ordenou que suas forças atacassem a Grécia, lançando a Guerra Greco-Italiana na Campanha das Balcãs. A Batalha da Grã-Bretanha continuou, com as forças da Alemanha e da Grã-Bretanha se digladiando nos céus e nos mares. Os Estados Unidos iniciaram o programa Lend-Lease, que acabaria por enviar 50 bilhões de dólares em armas e suprimentos para as nações aliadas. Uma fase sinistra dos planos nazistas era acionada, com os alemães estabelecendo áreas muradas em Varsóvia e em outras cidades polonesas, isolando os judeus das áreas circunvizinhas e forçando-os a viver nesses guetos.

 

s_w01_07110168

Entrando no quarto ano de guerra contra o Japão, as forças militares chinesas reforçaram a sua força aérea, produzindo os próprios armamentos e treinando seus homens nos métodos da guerra moderna. Na fotografia, os cadetes chineses desfilam em uniformes de batalha, nota-se que eles escolheram  o modelo alemão de capacete, feito de aço. Em algum lugar da China, em 11 de Julho de 1940.


s_w02_10105014

Homens da infantaria britânica em uma trincheira perto de Bardia, um porto líbio que tinha sido ocupado por forças italianas e recuperado pelos  Aliados em 5 de janeiro de 1941, após um cerco de 20 dias.


s_w03_10515027

Com uma formação rochosa ao fundo, um bombardeiro britânico decola em 15 de maio de 1941, em algum lugar no leste da África, deixando para trás um rastro de fumaça e areia.



s_w04_06211280

Navios de guerra da frota britânica do Mediterrâneo bombardeando Fort Cupuzzo, em Bardia, Líbia, em 21 de junho de 1940. Na foto, podemos ver as baterias antiaéreas, prontas para a ação.



s_w05_02071109
Uma vista aérea de Tobruk, Líbia, onde se vê depósitos de gasolina em chamas, após ataques das forças aliadas em 1941.


s_w06_10205175

Bardia, um porto líbio fortificado, foi capturado pelas forças britânicas, sendo feitos mais de 38 mil prisioneiros italianos, incluindo quatro generais. Também foram apreendidas vastas quantidades de material bélico. Na foto, uma procissão interminável de prisioneiros italianos deixa Bardia, em 5 de Fevereiro de 1941, depois que os australianos  tomaram posse do lugar.


s_w07_01010215

Um esquadrão de veículos blindados, do modelo Bren Carrier, tripulados por soldados da Cavalaria Ligeira Australiana, avança através do deserto egípcio, em janeiro de 1941. As tropas realizavam manobras em preparação para a campanha dos Aliados no norte da África.


s_w08_10241182
Este armeiro do comando da RAF no Oriente Médio prepara uma bomba para uma missão contra as forças italianas, na Campanha da África. Esta grande bomba ainda não esta armada, mas logo estará pronta para o seu trabalho mortal. Foto tirada em 24 de outubro de 1940.


s_w09_01228177
O momento em que uma patrulha de caças britânicos Hurricane, voando sobre um setor no Oriente Médio, rompe a formação para atacar aeronaves inimigas, em 28 de dezembro de 1940.


s_w10_10218072
Esta foto, feita a partir de um avião militar britânico durante o assalto de Tobruk, mostra o cruzador italiano San Giorgio, queimando a meia-nau no porto de Tobruk, em 18 de fevereiro de 1941.


s_w11_10211168
O corpo de um soldado italiano, repousa no exato lugar onde ele caiu durante a batalha, em uma fortaleza com paredes de pedra, em algum lugar no deserto da Líbia Ocidental, em 11 de fevereiro de 1941.


s_w12_11171172
Um tanque cruzador britânico é descarregado em um porto no Egito, em 17 de novembro de 1940. Um grande número desses veículos foi enviado ao Egito pelas forças britânicas.


s_w13_10219053
Haile Selassie (direita), o exilado Imperador da Etiópia, cujo império foi anexado pela Itália, retorna com um exército de voluntários etíopes para ajudar os britânicos na África, em 19 de fevereiro de 1941. Na foto, o imperador inspeciona um aeroporto, com um intérprete ao seu lado. Em 5 de maio de 1941, depois que os italianos na Etiópia foram derrotados pelas tropas aliadas, Selassie voltou para Adis Abeba e retomou sua posição como governante etíope.


s_w14_01209045
Homens do Cameron Highlanders, um regimento escocês da infantaria britânica, juntamente com soldados indianos marcham, passando pela Grande Pirâmide no deserto Africano do Norte, em 9 de dezembro de 1940.


s_w15_01010611
O Marechal de Campo Erwin Rommel, comandante da Afrika Korps, bebe com um oficial alemão não identificado, durante a inspeção das tropas alemãs enviadas para auxiliar o exército italiano na Líbia em 1941.


s_w16_04140134
Um enorme tanque alemão Panzer IV, que fez parte da força expedicionária alemã na África do Norte, para no deserto da Líbia, em 14 de abril de 1941.


s_w17_01217018
Crianças do Japão, Alemanha e Itália se reúnem em Tóquio para celebrar a assinatura da Aliança Tripartite entre as três nações, em 17 de dezembro de 1940. O ministro japonês da Educação, Kunihiko Hashida, centro, segurando bandeiras cruzadas, e o prefeito de Tóquio, Tomejiro Okubo, estavam entre os presentes.


s_w18_3c31086u
Um bombardeiro japonês em voo em 14 de setembro de 1940. Abaixo, a fumaça de um conjunto de bombas lançadas em Chongqing, China, perto de uma curva do rio Yangtzé.


s_w19_05021168
Soldados chineses instalam um detector de som para orientar no disparo dos canhões antiaéreos de 3 polegadas, em torno da cidade de Chongqing, na China, em 2 de Maio de 1941.


s_w20_08100119
Com nada além de devastação à sua frente, este menino chinês persiste no seu ofício de carregador de água, depois de quatro dias e noites de bombardeio aéreo por  aviões de guerra japoneses, em Chongqing, na China, em 10 de agosto de 1940.


s_w21_10630170
Um tanque japonês passa por cima de uma ponte de emergência, em algum lugar na China, em 30 de junho de 1941.


s_w22_01029025
Esta vista aérea mostra navios e  aviões japoneses, dispostos em linha de batalha, em 29 de outubro de 1940, ao largo da costa de Yokohama, no Japão.


s_w23_31207819
Corpos de cidadãos mortos de Chongqing são empilhados depois que cerca de 700 pessoas foram mortas por um bombardeio japonês. Na China, em julho de 1941. Entre 1939 e 1942, cerca de três mil toneladas de bombas foram lançadas sobre Chongqing por aviões japoneses, resultando em mais de 10 mil vítimas civis.


s_w24_00926049
Forças coloniais francesas saindo de Haiphong, na região de Tonkin,  na Indochina Francesa, em 26 de setembro de 1940, quando as tropas japonesas de ocupação assumiram o porto e a cidade, sob os termos do acordo franco-japonês, onde a França de Vichy cedeu o controle militar  da região às forças nipônicas.


s_w25_01091173
Bombardeiros italianos  voando para a região de fronteira da Albânia com a Grécia, em 9 de janeiro de 1941. As forças italianas lançaram uma invasão da Grécia a partir do território albanês em 28 de outubro de 1940.


s_w26_10111123
Bombardeiros da Real Força Aérea Britânica numa incursão sobre a cidade portuária de Valona, ocupada pelos italianos, ​​na Albânia, em 11 de janeiro de 1941.


s_w27_13106466
Um pelotão de soldados alemães passando por uma aldeia grega, durante a ocupação da Grécia, em maio de 1941.


s_w28_10616061
Enquanto aviões de combate alemães patrulhavam a área,  aviões de transporte de tropas os seguiam, escoltados por bombardeiros. Aqui, um avião de pára-quedistas é abatido, em 16 de junho de 1941, na ilha grega de Creta.


s_w29_00000001
Um paraquedista alemão morto e seu paraquedas, na ilha de Creta, no início de 1941.


s_w30_05230280
A fim de alertar a sua própria força aérea para a sua presença e evitar o fogo amigo, soldados alemães espalham a suástica em barcos usados ​​pelos homens da Schutzstaffel para cruzar o Golfo de Corinto, na Grécia, em 23 de maio de 1941.


s_w31_10111391
Uma vista do telhado da Catedral de São Paulo, em Londres, em janeiro de 1941, mostrando como o famoso prédio ficou cercado por incêndios na noite da grande Blitz. Edifícios devastados são vistos em todos os lados, com a torre do Old Bailey, encimada por sua estátua de Justiça, ainda de pé no canto superior esquerdo.


s_w32_00803029
A dramática e trágica cena do afundamento do Lancastria, um navio da Companhia Cunard White Star Line, em 3 de agosto de 1940. O Lancastria tinha ido ajudar na  evacuação de cidadãos e  das tropas britânicas da França, tendo embarcado o maior número possível de pessoas para o que seria uma viagem curta - cerca de 4.000 a 9.000 passageiros estavam a bordo. Aviões Junkers 88 alemães bombardearam o navio pouco depois que ele partiu da França. O navio afundou dentro de vinte minutos. Enquanto 2.477 pessoas foram resgatadas, cerca de outras 4.000 morreram por explosões de bombas, bombardeios, afogamento, asfixia na água suja de óleo.


s_w33_10119027
Artilharia antiaérea alemã em ação, em algum lugar ao longo da costa do Canal da França, em 19 de janeiro de 1941.


s_w34_01311142
Esta fotografia foi tirada em 31 de janeiro de 1941, durante um ataque aéreo noturno realizado pela RAF acima de Brest, na França. A impressão é de que tanto as bombas despejadas dos aviões quanto o fogo antiaéreo vem do céu. No período de três a quatro segundos, durante o qual o obturador permaneceu aberto, a câmera capturou claramente o furioso combate. As linhas finas de luz são de balas traçantes e as linhas mais largas são de armas pesadas. Fábricas e outros edifícios podem ser vistos abaixo.


s_w35_01141135
Um soldado britânico e um marinheiro canadense num porto inglês. Dois exemplos de súditos da coroa britânica unidos no esforço de guerra, em 14 de janeiro de 1941.


s_w36_10111621
Jimmy Stewart, um astro de Hollywood, é empossado como segundo-tenente do Corpo Aéreo do Exército Americano pelo tenente E.L. Reid, diretor de pessoal da costa oeste do centro de treinamento em Moffett Field, Califórnia, em 1 de Janeiro de 1941. Stewart era um dos atores mais populares de Hollywood, antes de entrar no Exército em 1941.


s_w37_00828173
Antigos, mas ainda úteis destroieres americanos ancorados no Arsenal da Marinha, na Filadélfia, em 28 de agosto de 1940. Os planos americanos eram modernizar estes navios e transferí-los para os países aliados. Estes planos seriam promulgados como lei, como o programa Lend-Lease, assinado em março de 1941, e resultariam em bilhões de dólares de material de guerra enviados para os Aliados.


s_w38_10121041
Uma equipe de observadores sobre o Empire State Building, durante um teste de defesa aérea conduzido pelo Exército dos EUA, em 21 de janeiro de 1941, em Nova York. O objetivo era identificar bombardeiros do "inimigo invasor" e enviar informações aos centros militares que enviariam aviões interceptores. Os testes, que foram executados durante quatro dias, cobriam uma área de 18.000 quilômetros quadrados.


s_w39_10319016
Funcionários dos correios dos Estados Unidos queimam 17 toneladas de material de leitura, marcados pelas autoridades postais como propaganda, em um forno em São Francisco, Califórnia, em 19 de março de 1941. A maior parte dos jornais, livros e panfletos veio da Alemanha nazista e também da Rússia, Itália e Japão.


s_w40_12280105
Estes recrutas árabes se alinham no pátio de um quartel, sob o Mandato Britânico da Palestina, em 28 de dezembro de 1940, para a sua primeira perfilação para um oficial britânico. Cerca de 6.000 árabes palestinos se alistaram no exército britânico durante o curso da II Guerra Mundial.


s_w41_12160109
Sinalizadores de artilharia, na madrugada de 16 de dezembro de 1940, em um posto avançado na Palestina. Os homens se agasalham para se proteger do frio do deserto.


s_w42_01220059
Os muros recém-construídos na parte central de Varsóvia, na Polônia, como vistos em 20 de dezembro de 1940. No Gueto de Varsóvia foram segregados cerca de 500 mil judeus.


s_w43_02170158
Uma cena do Gueto de Varsóvia, onde os judeus são vistos usando braceletes brancos com a estrela de Davi e no bondes o aviso nazista advertindo: "Apenas para Judeus", em 17 de fevereiro de 1941.


s_w44_08073247

Um oficial do exército alemão dá instruções à crianças judias em um gueto de Lublin, na Polônia ocupada pelos alemães, em dezembro de 1940, dizendo-lhes "Não se esqueçam de se lavar todos os dias."


s_w45_01220022

Crianças judias de um gueto em Szydlowiec, na Polônia, durante a ocupação nazista, em 20 de dezembro de 1940.


A História da Segunda Guerra Mundial em Fotos,  será uma série  de 21 postagens com mais de 800 fotografias distribuídas em  temas seguindo a cronologia do conflito. Se você gosta de história, em particular da história da Segunda Guerra Mundial, aconselho  que assine a nossa Newsletter ou curta nossa página no Facebook, para  não perder nenhum episódio. O próximo terá como tema: A Operação Barbarossa.  Não perca!

A Segunda Guerra Mundial em fotos: o conflito se espalha pelo globo A Segunda Guerra Mundial em fotos: o conflito se espalha pelo globo Reviewed by Bento Santiago on outubro 20, 2013 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.