O latim está morto, mas continua muito bem de saúde!

O historiador Peter Burke cunhou em 1993 a seguinte pérola: “Embora declarado morto, o latim recusou-se a ser enterrado.” A frase espirituosa delata a contradição dos que afirmam que o latim é uma língua morta. Como pode uma língua morta estar tão presente no nosso dia a dia?

Exemplos que comprovam a boa saúde do idioma falado pelos antigos romanos pululam por todos os setores da vida moderna. O uso do latim no âmbito jurídico é bem conhecido de todos nós, basta lembrar-nos do famoso “habeas corpvs” (que tenhas o teu corpo), mas você sabia que a expressão latina “carpiem diem” (aproveitem o dia) é uma das frases mais tatuadas do mundo?

carpe_diem_tatoo
Você sabia que na Europa e nos Estados Unidos, lugares onde o aprendizado do latim ainda tem grande estima, obras como Harry Potter e o Pequeno Príncipe são traduzidas para o latim?

harry_potter_latim

regulos
Que grandes empresas batizam seus produtos com palavras oriundas do latim ou que existem portais de notícias totalmente em latim?

bis-ao-leite-interna
Se você ainda tem dúvidas o quão vivo está o latim, assista a deliciosa palestra do professor José Amarante, no vídeo abaixo.


Veja também:
Como se diz futebol, chiclete, jazz… em latim?

O latim está morto, mas continua muito bem de saúde! O latim está morto, mas continua muito bem de saúde! Reviewed by Bento Santiago on setembro 07, 2016 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.